Beto Muniz Picture

DEVDAY - Um evento de desenvolvedores para desenvolvedores

4 min read

No último sábado [01/11/2014], fui em um evento sensacional em Minas Gerais e com um formato bem diferente, estive no DevDay.

DevDay 2014

E o que é o DevDay?

O DevDay é uma conferência organizada pelo pessoal do DevIsland e que está em sua quinta edição. O evento sempre foi realizado em Belo Horizonte, Minas Gerais. E nesta edição não foi diferente, a diferença desta vez foi que o local de acontecimento escolhido, foi a Universidade Federal de Minas Gerais, que nada mais é, que uma referência no que se diz respeito a cursos e pesquisas no cenário da tecnologia brasileira e isso proporcionou uma mistura bem legal de público e de conteúdos abordados.

Mas antes de falar sobre essa edição, vou contar como cheguei a ir nela...

Tudo começou, quando no meio de julho deste ano, recebi um contato direto da organização do DevDay, me convidando para palestrar, basicamente me perguntaram se eu tinha interesse e disponibilidade, e na mesma hora eu aceitei, pois além de ter sido convidado para falar de um tema que eu particularmente adoro, que é Web Components, também iria ter uma oportunidade muito boa de levar esse conteúdo para Minas Gerais, e por isso tudo e mais um pouco, não só aceitei, como já começamos os processos mais burocráticos, como enviar uma descrição da minha palestra, foto, uma mini biografia, documentos para que eles pudessem organizar minha estadia e viagem, enfim, todo o processo normal para que fosse possível minha ida. Mas não parou por ai, em meio a conversas e dúvidas, fui conhecendo mais o pessoal da organização, e soube de uma proposta bem interessante dentro do formato que o evento iria ter, o mesmo criou uma trilha orientada só para comunidades, ou seja, qualquer comunidade de desenvolvimento local iria ter um espaço para apresentar suas propostas, dando assim, mais abertura para que grupos de comunidades em Minas, cresçam em parceria e de forma acelerada trocando experiências, foi simplesmente surreal essa trilha, e sinceramente, TODOS os eventos no Brasil deveriam adotar tal posicionamento de projeção, mas foi nessa deixa, que aproveitei e perguntei se era possível alocar um slot desta trilha, para um movimento que participo, chamado Minas Dev. E assim, eles aceitaram, e por fim, foi bom pra todo mundo, já que a proposta do Minas Dev é de justamente criar uma integração entre comunidades através de iniciativas e projetos.

Agora sim, falando desta edição do evento...

DevDay 2014 | Palestra do Beto Muniz

Esta edição começou com uma MEGA HIPER BLASTER Keynote, orientada pelo Alexandre Freire, que dispensa comentários, pois o cara é muito bom no que se diz respeito a apresentação e também no conteúdo que ele abordou, que foi: Como não testar o seu projeto. E esta para mim foi sem dúvidas a melhor palestra do evento.

Em seguida, fui para a trilha de comunidades, e iniciei junto com Luiz Augusto, Paula Faria, Bruno Pulis, Marcos César e Erick Belfort a apresentação do movimento Minas Dev, foi uma palestra bem interativa com o público e com uma surpresa devido ao pouco tempo de vida do movimento, a sala estava lotada, foi surreal a quantidade de pessoas que se interessaram pelo formato do movimento e também a quantidade de sugestões coletadas. E neste caso, nossos agradecimentos vão para a oportunidade dada pelo pessoal do DevDay e também para todos os presentes na sala.

Após finalizar a apresentação do Minas Dev, fui direto para o auditório principal, pois era minha vez de falar lá, e neste momento, tive uma experiência única com o público presente, pois percebi muita gente interessada e aficionada pelo conteúdo, que abordei, que foi: Web Componentes e o porque esse assunto faz parte do futuro do desenvolvimento web. Foi bem enriquecedor poder falar sobre esse assunto e ter notado, que depois da palestra, muita gente me procurou para tirar dúvidas e pedir sugestões.

No fim da minha palestra, chegou o almoço e foi impressionante ver a estrutura que a UFMG tem para este quesito, muito legal o restaurante dentro da própria faculdade.

E assim, chegou o período da tarde, e neste momento aproveitei para conhecer os stands das empresas patrocinadoras e também fazer bastante networking com o pessoal presente na área de stands, logo após fui ver a palestra do Pedro Marques, falando sobre um tema bem legal: UX for Developers, onde ele apresentava que o conceito de UX não é só para designers, mas para qualquer um envolvido dentro dos processos de desenvolvimento, na palestra ele apresentou cases e também ferramentas que ajudam outros profissionais a entrarem neste ambiente UX, além de várias mensagens motivadoras sobre o assunto, foi bem legal...

Por fim, a última palestra que presenciei, foi uma keynote ministrada pelo Luis Leão, que para quem não conhece, é GDG Leader em São Paulo e um cara muito ativo na comunidade de desenvolvimento brasileira, sendo co-organizador de inúmeras iniciativas e eventos importantes dentro do nosso cenário nacional, lá ele abordou o assunto Wearables e o impacto que tais tecnologas tem ou terão na nossa sociedade, foi muito legal, mostrou experimentos pessoais e cases de aplicações usando Android Wear, Google Glass, drones entre outros.

E para finalizar o post, mas não todo o conteúdo do evento, pois houveram outros grandes nomes palestrando também em outros momentos, só tenho a agradecer a oportunidade de estar em um evento tão bem organizado e que sem dúvidas entra para o circuito nacional de conferências, devido ao padrão de organização e também a maneira de abordagem dos conteúdos, espero ir em 2015 e sem dúvidas indico o evento para qualquer um apaixonado por tecnologia, pois sem dúvidas estará indo para um evento feito porque entende o que queremos, ou seja, desenvolvedores.